A pele do bebê não é maravilhosamente macia? Sim, mas também muito frágil e ainda em desenvolvimento.

Nosso EV.E.I.L.S. (Avaliação da vida infantil precoce / foco na pele), um estudo global sem precedentes, permitiu três descobertas importantes sobre a pele dos bebês:

Imagem
Immature skin

Bebês têm pele frágil e imatura

A função de barreira da pele do bebê é imatura e mais porosa do que a dos adultos, e precisa de mais proteção contra influências externas para preservar seu capital celular. Esse capital celular - único para toda a vida - com a qual a pele do bebê nasce e que permite a sua regeneração ao longo da vida, é particularmente vulnerável durante os primeiros 2 anos de vida.

Imagem
Baby skin dehydrates faster

A pele do bebê desidrata mais rápido

Ao nascer, a pele do bebê é menos capaz de captar e reter água e, portanto, desidrata-se mais facilmente e mais rápido do que a pele do adulto.

Imagem
4 baby skin types

4 tipos de pele de bebê

Existem quatro tipos de pele com características diferentes: pele normal, seca, muito sensível e com tendência atópica. Com essa descoberta, pudemos conceber os produtos Mustela em conformidade, utilizando princípios ativos específicos que se adaptam perfeitamente a cada tipo de pele.

Diferentes tipos de pele

  • Pele normal
    Imagem
    Normal skin

    Não há nada como a pele macia e delicada de um bebê. “Normal” refere-se à esta ideia de “pele de bebê”: é flexível e macia. Mesmo assim, é mais suscetível às influências externas (poluição, bactérias, pólen) e desidrata constantemente. Durante os dois primeiros anos, a pele do bebê precisa ser hidratada e protegida diariamente.

  • Pele seca
    Imagem
    Dry Skin

    A pele seca é mais desidratada e contém menos lipídios do que a pele normal. Como resultado, torna-se mais áspera e fina, também pode descascar ou formigar, especialmente quando exposta a condições climáticas adversas, ar quente ou frio, etc. É fácil cuidar da pele seca, com cuidados e atenção diária à pele. A linha de Pele Seca não está disponível no Brasil.

  • Pele com tendência atópica
    Imagem
    Atopy-prone skin

    Hoje, a dermatite atópica afeta 1 em cada 5 crianças no mundo. É uma doença inflamatória crônica da pele, não contagiosa, que causa manchas vermelhas e coceira em áreas bem definidas do corpo e do rosto.

    Esses surtos crônicos diferenciam peles com tendência a dermatite atópica da pele normal. Eles afetam o sono e a qualidade de vida do bebê e de toda a família.

    Mas aqui está a boa notícia: os sintomas podem ser controlados (a intensidade e a frequência das crises podem ser diminuídas) seguindo uma rotina de cuidados e os sintomas também podem diminuir com a idade.

  • Pele muito sensível
    Imagem
    Very sensitive skin

    A pele muito sensível de um bebê reage de forma instantânea ao menor estresse diário, a produtos específicos ou a estímulos que não provocariam irritação na pele normal. Consequentemente, a pele fica vermelha com uma sensação de aperto, formigamento ou aquecimento. No entanto, a pele muito sensível pode ser acalmada rapidamente, independentemente da parte do corpo afetada. Vários fatores desencadeiam reações de pele muito sensível. Produtos perfumados devem ser evitados e, para acalmar a irritação e vermelhidão, é importante escolher produtos calmantes que protejam a barreira cutânea.

Imagem
Normal skin

Não há nada como a pele macia e delicada de um bebê. “Normal” refere-se à esta ideia de “pele de bebê”: é flexível e macia. Mesmo assim, é mais suscetível às influências externas (poluição, bactérias, pólen) e desidrata constantemente. Durante os dois primeiros anos, a pele do bebê precisa ser hidratada e protegida diariamente.

Imagem
Dry Skin

A pele seca é mais desidratada e contém menos lipídios do que a pele normal. Como resultado, torna-se mais áspera e fina, também pode descascar ou formigar, especialmente quando exposta a condições climáticas adversas, ar quente ou frio, etc. É fácil cuidar da pele seca, com cuidados e atenção diária à pele. A linha de Pele Seca não está disponível no Brasil.

Imagem
Atopy-prone skin

Hoje, a dermatite atópica afeta 1 em cada 5 crianças no mundo. É uma doença inflamatória crônica da pele, não contagiosa, que causa manchas vermelhas e coceira em áreas bem definidas do corpo e do rosto.

Esses surtos crônicos diferenciam peles com tendência a dermatite atópica da pele normal. Eles afetam o sono e a qualidade de vida do bebê e de toda a família.

Mas aqui está a boa notícia: os sintomas podem ser controlados (a intensidade e a frequência das crises podem ser diminuídas) seguindo uma rotina de cuidados e os sintomas também podem diminuir com a idade.

Imagem
Very sensitive skin

A pele muito sensível de um bebê reage de forma instantânea ao menor estresse diário, a produtos específicos ou a estímulos que não provocariam irritação na pele normal. Consequentemente, a pele fica vermelha com uma sensação de aperto, formigamento ou aquecimento. No entanto, a pele muito sensível pode ser acalmada rapidamente, independentemente da parte do corpo afetada. Vários fatores desencadeiam reações de pele muito sensível. Produtos perfumados devem ser evitados e, para acalmar a irritação e vermelhidão, é importante escolher produtos calmantes que protejam a barreira cutânea.

Mustela publicou 59 publicações científicas internacionais sobre a pele e registrou 14 patentes.

Imagem
mustela-bebe-e-criança

Stelaskin®: uma metodologia de pesquisa inovadora em pele reconstituída

Nossas equipes desenvolveram modelos patenteados de pele de bebê reconstruída em diferentes idades - Stelaskin® - que imita diferentes tipos de pele.

Graças a essa inovação, conseguimos estudar diferentes tipos de pele com mais profundidade, entender melhor o impacto de tensões específicas da pele e avaliar e testar todos os nossos produtos nesses modelos de pele reconstituída.

Saiba mais sobre a Mustela
NOSSA EXPERTISE EM EXTRAÇÃO DE ATIVOS NATURAIS

Usamos tecnologias verdes para extrair ingredientes ativos de plantas

POR DENTRO DAS NOSSAS FÓRMULAS

Apenas o melhor - É isso!

NOSSA HISTÓRIA

Marca familiar francesa desde 1950