Desenvolvimento dos bebês nos primeiros três meses de vida Dezembro 2017

Muitas coisas acontecem durante os três primeiros meses de vida do seu bebê, assim como as fases do seu próprio desenvolvimento que contribuem diretamente para a formação motora, sensorial, emocional e comunicativa.

 

Cada fase do bebê é importante e precisa ser respeitada e estimulada. Brincar não só permite a exploração do ambiente e o treino de novas competências psicomotoras e sociais, mas também o estabelecimento de vínculos afetivos com as pessoas que o rodeiam.

 

Na fase do primeiro trimestre é importante deixar os bebês deitados durante alguns minutos, de costas no chão, com brinquedos à sua volta. Eles precisam ficar em uma posição que facilite o movimento das pernas e braços, abaixo seguem algumas dicas de “brincadeiras” e momentos para serem feitas nos primeiros três meses de vida.

 

PRIMEIRO MÊS

Pele-com-pele com a mamãe

 

O seu bebê acabou de nascer e ele tem uma necessidade extrema de contato com você. Para manter esta sensação de união, você pode destinar alguns momentos do seu dia para promover um contato pele-com-pele: em uma sala quentinha, coloque o seu bebê (nu, ou apenas com a fralda) contra o seu peito nu e cubra-o com uma mantinha suave. Tenha o cuidado de colocar a cabeça do bebê junto ao seu coração para que ele possa ouvir ele batendo, se lembrando do tempo que passou dentro do seu ventre. Este contato é tão relaxante que o seu bebê pode mesmo adormecer...

 

Balançando com ternura

 

Com o seu bebê deitado nos seus braços, caminhe pela casa balançando-o suavemente e cantando uma música infantil ou canção de ninar, com uma voz suave. Estes movimentos regulares são extremamente relaxantes para os recém-nascidos - eles lembram como eram suavemente balançados dentro do útero. Se lhe parecer que o seu bebê tem cólicas faça o mesmo, mas com o bebê deitado nos seus braços de barriga para baixo - de forma que a barriga fique apoiada no seu braço e os braços e pernas pendurados. A pressão que o seu braço exerce na pequena barriguinha do bebê ajuda frequentemente a aliviar as cólicas.

 

Dançar para acalmar

 

Quando o seu bebê parecer agitado ou rabugento, pegue-o no colo e dance pela casa ao som de uma música que goste. Rock'n'roll, uma música calma ou uma canção de ninar – selecione a música com base nas reações do bebê, rapidamente vai descobrir o tipo de música que o seu filho mais gosta. O contato físico e o balançar do seu corpo vão ter um efeito relaxante quase imediato e é provável que o seu bebê adormeça aconchegado em seus braços.

 

Variações vocais

 

O seu bebê é muito receptivo a todos os sons que o rodeiam, especialmente a voz dos pais - que já conseguia ouvir quando estava na sua barriga. Para estimulá-lo, fale com ele variando o seu tom de voz e a expressão do seu rosto: sussurre ao ouvido, depois aumente um pouco a voz, emita sons agudos ou graves, faça diversos barulhos com os seus lábios e acompanhe com expressões cômicas.... Você deve se posicionar de frente para o bebê e não mais do que 20 ou 30 cm de distância do seu pequeno rosto. Lembre-se que o seu bebê ainda não tem um campo de visão muito profundo.

 

SEGUNDO MÊS 

Alongamentos suaves

 

Quando o seu bebê nasce, a sua postura é muito semelhante a que tinha quando estava dentro do útero. As costas estão ligeiramente curvadas e os braços e pernas estão naturalmente dobrados. Com o passar das semanas ele vai começar a "esticar-se" de forma muito natural. Você pode ajudá-lo neste processo com alguns exercícios de alongamento muito simples: envolva o braço do bebê na sua mão, alongue-o de forma suave ao longo do seu pequeno corpinho e repita o processo com o outo braço. Depois faça o mesmo com as pernas, até que ele fique praticamente reto. Claro que você não deve forçá-lo e pare imediatamente se perceber que o seu filho não gosta destes pequenos exercícios.

 

As mil e uma texturas

 

O seu bebê ainda não é capaz de pegar objetos, mas já consegue distinguir diversos tipos de texturas. Separe alguns objetos de diferentes texturas, como peças de seda ou veludo, um novelo de lã, um brinquedo fofinho, um pedaço de couro, uma esponja, etc. Depois, passe suavemente cada textura pelo corpo do seu bebê. Desta forma, vai entretê-lo, mas também estimular o seu sentido de tato.

 

Um espetáculo da janela

 

Onde quer que você viva, na cidade ou no campo, cada uma das janelas da sua casa oferecem um espetáculo fantástico para o seu bebê! Pegue o seu bebê no colo e juntos, observem a vida e a forma como ela se desenrola lá fora. Você pode até abrir a janela, se não estiver muito frio lá fora. As cortinas esvoaçantes, os passarinhos cantando, os carros estacionados, as pessoas passando são coisas fascinantes sobre as quais você pode falar com o seu filho.

 

No meu barco

 

Este é um pequeno exercício que o seu bebê vai apreciar... Ao mesmo tempo que é uma oportunidade para ir trabalhando os seus músculos abdominais. Sente-se de pernas cruzadas e coloque o bebê de costas para você apoiado na sua barriga. Certifique   que a cabeça do seu filho fique devidamente apoiada no seu peito. Segure-o bem direitinho, colocando as mãos em seu peito. Depois comece a balançar para a frente e para trás enquanto canta: "O barquinho de papel. Vai prá bem longe, bem longe e vai levando os sonhos, os meus sonhos. O vento sopra bem forte, vai empurrando o barquinho que vai levando os sonhos, os meus sonhos. O barquinho de papel, minha mais doce lembrança dos meus tempos de criança. Lembranças..."

 

TERCEIRO MÊS

As curvas do meu corpo

 

Para ajudar o seu filho a se familiarizar com o seu próprio corpo, o coloque na sua frente, de fraldas ou de roupinha, em um quarto bem aquecido e com luzes baixas. Gentilmente, mova a sua mão por todo o corpo do seu bebê, utilizando movimentos envolventes, fazendo uma leve pressão. Coloque suas duas mãos no topo da cabeça do seu filho e vá massageando os braços, a barriga, as pernas e os pés e depois faça o caminho inverso. Se ele estiver gostando, continue a massageá-lo.

 

Os primeiros instrumentos musicais

 

Prepare alguns instrumentos musicais simples, como um sino, um triângulo, um pequeno tambor, uma panela e uma colher, uma caixa de fósforos para batucar, etc... Depois, coloque o seu bebê em uma cadeirinha e improvise um pequeno show para ele: estimular a sua audição à medida que lhe apresenta as diferentes sonoridades. Ele ficará fascinado!

 

Um espetáculo oferecido pela natureza

 

Ponha o seu bebê na "canguru" e leve-o para passear em uma descoberta pela natureza. No meio do parque ou, simplesmente, em uma praça próximo de casa, ele vai poder ouvir os passarinhos cantarem, o som do vento, etc. Coloque as pequenas mãos do seu bebê em contato com o tronco de uma árvore... E deixe ele sentir a suavidade da grama, o estalar das folhas debaixo dos seus pés, etc. Juntos, admirem as flores coloridas... Mesmo que o seu filho não pareça interessado ou adormeça no passeio, tenha certeza que ele vai apreciar a sensação de estar no meio da natureza.

 

Um banho para dois

 

Splash! Aproveite a hora do banho para brincar com o seu bebê. Espirre água, faça espuma, cante e observe as suas reações. Brinquedos flutuantes entram no seu campo de interesse e o banho fica mais divertido com patinhos de borracha que boiam na água. Lembre-se que aos 3 meses o bebê já está bem habituado à sua rotina e reage negativamente ao barulho, mudanças e irregularidades. A rotina é importante para que ele se desenvolva naturalmente.

 

 

 

 

 

 

 

Comente este artigo

Partilhar a minha lista de cuidados

LER TAMBÉM: